Viña Morandé: qualidade, inovação e vanguarda

A sua constante experimentação e audácia permitiram a Viña Morandé dar vida a vinhos inéditos na indústria, provenientes de diferentes denominações de origem e elaborados através de vários métodos de vinificação. Morandé apresenta um portfólio reconhecido pelo seu espírito inovador e de alta qualidade, que atrai consumidores curiosos em busca de vinhos únicos e excepcionais.

Fundada em 1996 pelo destacado enólogo Pablo Morandé, a Viña Morandé, desde a sua criação, teve um foco claro na inovação: foi a primeira a plantar vinhas no Vale de Casablanca, pioneira no plantio de campos de alta densidade, pioneira em lançar uma linha chamada Adventures focada em destacar a diversidade desconhecida de terroirs no Chile; e foi uma das primeiras  a resgatar terroirs ancestrais e técnicas de vinificação, para citar alguns.

Vale do Casablanca

Morandé foi dos primeiros a acreditar no seu potencial e a plantar no Vale de Casablanca, abrindo as portas para aquele que é hoje um dos vales mais reconhecidos internacionalmente pela qualidade dos seus vinhos.

Presença de Norte a Sul

Viña Morandé tem vinhedos localizados em Casablanca, Maipo e Maule e vários projetos que se enquadram no mesmo pioneirismo de seu início, com vinhos dos vales de Limarí, Colchagua Costa, Itata e Malleco. Entre eles, o novo projeto Ránquil, em Itata, é especialmente atrativo pela alta qualidade de seu terroir, produzindo uvas de qualidade inédita na indústria chilena.

Vinhedos de Alta Densidade

Esta técnica vitivinícola, pioneira de Morandé, visa criar uma interação virtuosa entre solo, clima e variedade. As vinhas de alta densidade permitem obter 1 garrafa de vinho por cada planta, e entregar cachos de uvas de maior qualidade e concentração, reduzindo as produções de forma a obter vinhos diferenciados que expressam, com boas concentrações, as respectivas castas.

Linha  Aventuras

Um dos grandes marcos da vinícola em seus primeiros anos foi a criação de uma linha de vinhos chamada “Aventuras” que nasceu da ideia de destacar a desconhecida diversidade de terroirs no Chile, além de valorizar os antigos vinhedos do secano interior das regiões do Maule e Itata. Mas também com o propósito de utilizar variedades de pouco renome, tradicionalmente ali cultivadas.

Resgate de variedades e técnicas ancestrais de vinificação:

O espírito inovador e experimental da Viña Morandé, transmitido tanto a consumidores como a quem já fez parte de equipes profissionais, reflete-se também num bom número de atraentes criações enológicas. Estes abrangeram uma ampla gama de vinhos feitos com uvas congeladas a vinhos fortificados, incluindo um destilado muito notável no estilo da grappa italiana.

Da mesma forma, Ricardo Baettig, seu enólogo principal, aposta constantemente na utilização de castas pouco conhecidas, mas que tradicionalmente são cultivadas nos campos onde Morandé tem as suas vinhas.

Late Harvest e Espumantes

A Viña Morandé produz o vinho Golden Harvest, uma verdadeira mudança de paradigma na sua categoria: um extraordinário vinho de colheita tardia (ao estilo dos vinhos Tokaj), que só se produz quando se criam em Casablanca as condições favoráveis ​​que permitem a colheitade uvas botritizadas.

O mesmo ocorre com o portfólio de espumantes, criando uma seleção de alta qualidade capaz de mostrar uma complexidade até então não vista no Chile.

A expertisse do enólogo Ricardo Baettig

Há 11 anos, Viña Morandé elegeu o enólogo Ricardo Baettig como o profissional que melhor encarnava o pioneirismo da vinícola, com sua longa carreira vitivinícola no Chile e no exterior. Engenheiro Agrônomo e Enólogo pela Universidade do Chile, possui mestrado em Viticultura e Enologia pela Universidade de Torino na Itália, onde assessorou várias vinícolas nas regiões da Toscana, Piemonte e Friuli. Hoje ele é responsável pelos vinhos da Viña Morandé, incluindo a linha Morandé Adventure e o ícone House of Morandé, imprimindo seu selo de inovação e excelência que caracteriza os vinhos. Desde 2011, atua como Diretor de Enologia da Viña Morandé.

“Os nossos vinhos são o reflexo do nosso pioneirismo permanente. A nossa preocupação em ir mais longe, descobrindo novas estirpes, fronteiras e técnicas que nos permitam apresentar um portfólio de vinhos com uma proposta clara de qualidade, inovação e vanguarda”. Ricardo Baettig.

Para a Viña Morandé, sua filosofia se baseia em um grande pilar: a qualidade. E isso se baseia nos mais de 1.000 reconhecimentos que recebeu nas principais mídias especializadas do mundo. Só para citar alguns exemplos, foi eleita 4 vezes como a Vinícola do Ano pela mídia norte-americana Wine & Spirits; Pablo Morandé foi reconhecido como uma lenda da enologia em 2017 por Tim Atkin, e na Descorchados 2022 foi a primeira vinícola chilena a receber a menção Vinícola do Ano, por seu espírito dinâmico, aventureiro e disruptivo. Da mesma forma, sua presença em mais de 53 países lhe rendeu a confiança de milhões de clientes, que a consideram uma vinícola consistente, confiável e de alta qualidade.

É esta visão que Morandé tem permeado em cada um de seus vinhos, criando um portfólio poderoso, inovador e excelente que reflete a melhor expressão de suas origens, um terroir dos vales mais reconhecidos do Chile.

Si te interesa saber más, pregunta AQUÍ

Suscríbete a nuestras aventuras…

    Translate »